Texto

ENCONTRO DOS IRMÃOS FONTANA

Postado em

encontro

Bom dia meus queridos Jorge e Ana,

Esse bilhetinho é para agradecer-lhes!

Nossa vida é efêmera e vocês, sabendo disso, não pensaram duas vezes, e fizeram o Encontro dos Irmãos Fontana (17/12/2016 na Praia dos Ingleses-SC).

Não jogaram fora essa oportunidade de ser feliz e de nos fazerem felizes também.

felicidade

Somos como flores em um jardim. Algumas flores são colhidas cedo demais. Outras, mesmo quando em botão. Existem aquelas sementes que nunca brotam e aquelas flores que vivem a vida inteira até que, pétala por pétala, se entregam ao vento, tranquilas.

E por quanto tempo estaremos enfeitando esse jardim? Ninguém sabe! Cuidamos pouco de nós mesmos e dos outros!

Ana e Jorge, vocês nos deram oportunidade de construir alguma coisa, de dar o abraço amigo, de dizer uma palavra gentil, de fazer um gesto carinhoso, de agradecer pelo que temos.

mulher agradecendo

Sei que não deve ter sido fácil planejar o evento, convidar as pessoas, acertar data melhor para todos, escolher um local perfeito, providenciar comida, bebida e acomodações… Enfim, são tantas coisas! Mas vocês se dedicaram e conseguiram atingir o objetivo com agilidade, presteza e carinho. Nota: 1.000!

Por tudo isso, estou muito agradecida!

Agora, olhemos para frente! Ainda é tempo de apreciar as flores que estão ao nosso redor e de agradecer pela vida! (E obrigada ao velhinho e a velhinha por nos terem dado esses quatro irmãos maravilhosos).

idosos

E que venha o 2º Encontro dos Irmãos Fontana (previsão: 05/12/2017 em Itaara-RS)!

Simone Possas Fontana

Janeiro/2017

Eu e o PCC 2

Anúncios

A IMPORTÂNCIA DA LINGUAGEM ESCRITA

Postado em Atualizado em

livros

 

           Em algumas pessoas existe um grande bloqueio, impedimento, rejeição e dificuldade em redigir textos, mas a linguagem escrita se impõe nesta nossa sociedade que é centrada na imagem gráfica. A linguagem oral e a escrita estão inter-relacionadas, embora essa última seja mais recente que a outra. Com a escrita podemos registrar fatos e esse registro auxilia na memória e na sabedoria, enquanto que a fala propicia a comunicação oral e o retorno da poesia declamatória.

            As sociedades antigas eram providas de literatura onde se ministrava uma educação oral. Atualmente veiculamos a educação oral através da música, teatro, cinema e de áudio-livro, mas toda essa literatura deve ser registrada por escrito. Não se trata de relegar a linguagem escrita em nome da linguagem oral. Uma está associada à outra. Não deve haver oposição entre uma e outra, a fim de não causar enfraquecimento em ambas.

oposicao

           

             Se por um lado a linguagem oral serve-nos como meio de comunicação, a escrita nos possibilita obter conhecimento através das folhas de um livro ou em uma biblioteca virtual, de forma seletiva, assim como fomentar a memória afetiva através de fotos, textos, diários, cartas visando manter qualidade da arte do saber, do estudo e da instrução.

            A palavra tem um poder muito grande e traz consigo a formação das ideias, das faculdades intelectuais com as convicções e princípios que caracterizam o pensamento do indivíduo. Para registrar essa linguagem, buscando seu melhor uso, utilizamos o livro para fazer sua inscrição. Ao transferir a linguagem oral para o livro utilizamos de um recurso mais complexo, pois a linguagem adotada para se redigir documentos ou artigos, deve ser feita de forma clara, a fim de que a mensagem seja captada pelo leitor.

linguagem

           

            A linguagem vem sofrendo mudanças durante séculos e nesse processo muitas raízes são perdidas, gerando diferentes interpretações. O professor deve interpretá-las. Tem a missão e o papel social de compartilhar esse conhecimento – que é a finalidade no processo da aprendizagem – difundindo a educação, visando reduzir a distância entre grupos sociais.

            Utilizamos a linguagem oral para dirigir palavras a outras pessoas, para haver comunicação, para informar. É um uso informal como um veículo de valor cultural e histórico, para persuadir, mobilizar, expressar, convencer, descrever e opinar. Já o livro, que não é composto por meras folhas mortas e secas, é uma das maiores invenções acessíveis à humanidade, pois através dele é transmitida a cultura dos povos, o conhecimento e o saber. A história do homem fica com seu registro preservado de geração em geração, mostrando testes, aprendizado, resultados e pesquisas, sobre diversos assuntos. É o livro que permite inscrever acontecimentos significantes da história e propagar tais ocorrências aos grupos sociais que seguem na ordem dos tempos, agindo como orientador da informação. Através dele que o homem pode agrupar, classificar e catalogar informações, partilhando suas invenções, criações e descobrimentos para a sociedade atual e posterior. E é assim que a sociedade vai evoluindo: a cada geração vão sendo incluídas novas informações, disseminando a experiência e a informação.

livraria

           

             O livro auxilia no desenvolvimento do senso crítico, aumentando a capacidade de interpretar fatos, fomentando a intelectualidade e adquirindo parâmetros para uma postura correta, com aptidão e competência para fazer a distinção de juízo. Outro fato importante é que o livro transmite cultura, arte, estilo de vida de uma sociedade e compreensão do mundo ao nosso redor.

            Também serve de meio para desenvolver a escrita, pois quando escrevemos estamos reproduzindo aquilo que sabemos e quanto mais se lê, mais argumentos se têm. Além disso, o livro pode ser um veículo de divertimento, pois através de uma leitura prazerosa pode-se viajar pelo tempo e pelo espaço, deixando a imaginação fluir.

            Por todos esses motivos, o livro não pode ser considerado apenas um conjunto de folhas secas e mortas, já que oportuniza ao ser humano aumentar sua intelectualidade, realizar confrontações que tornam possível o aperfeiçoamento do conhecimento, bem como para seu entretenimento.

 

eu e o livro

 

 

 

 

 

 

 

 

Simone Possas Fontana

(escritora gaúcha de Rio Grande-RS,

membro da Academia de Letras do Brasil/MS, ocupando a cadeira 18,

membro correspondente da Academia Riograndina de Letras,

membro da UBE/MS – União Brasileira de Escritores,

autora dos livros MOSAICO, A MULHER QUE RI e PCC,

graduada em Letras pela UCDB,

pós-graduada em Literatura,

contista da Revista Cultura do Mundo,

blog: simonepossasfontana.wordpress.com)

 

 

AGRADECIMENTO CAMPANHA VALÉRIA

Postado em

mulher agradecendo

 

Pessoas queridas! Enfim, a Campanha terminou!

 

ACABO-O-O-O-O-O-OU… A-CA-BOU!

 

Estou muito feliz!

 

Após tanto pedir e insistir, consegui convencer vocês que a Campanha AJUDE A MANICURE VALÉRIA A SAIR DO SUFOCO era por uma causa justa!

 

A meta de R$ 800,00 foi alcançada!

 

O mérito é todo de vocês!

 

você

 

Fizeram suas boas ações e o resultado é uma pessoa (Valéria) feliz, em paz e com a dívida quitada!

 

Apenas para deixá-los informados, assim que entreguei o dinheiro para a Valéria, ela compareceu na Energisa para quitar seu débito. Ao chegar lá, teve uma surpresa nada agradável, mas já era esperada. Seu débito de R$ 800,00 estava em R$ 1.200,00!

Após conversarem, fizeram acordo e conseguiu quitar toda sua dívida com R$ 824,00!

dinheiro 1

 

Tudo resolvido!

 

Nem sei como expressar minha gratidão a todos que colaboraram de uma maneira ou de outra:

– pessoas que fizeram depósito na campanha,

– pessoas que marcaram horário no salão,

– pessoas que até queriam contribuir, mas não podiam no momento.

ajuda

 

Tudo foi válido! Tudo é aprendizado!

 

Tudo isso me fez crescer como pessoa!

 

Pedir não é agradável, mas retribuir a ajuda com agradecimento é bom demais!

ajuda-1

 

Por isso, agradeço de coração a todos vocês em meu nome e em nome da Valéria!

 

Ela entra pelo buraquinho atrás do olho e escorre pelo rosto.

É a lágrima que transborda de tanto amor.

Atrás do coração também tem esse buraquinho.

Ele vai inflando, inflando até ficar apertado de tanto amor.

Parece até que vai explodir em lágrimas.

alegria

 

 

Simone Possas Fontana

(escritora gaúcha de Rio Grande-RS,

membro da Academia de Letras do Brasil/MS, ocupando a cadeira 18,

membro correspondente da Academia Riograndina de Letras,

membro da UBE/MS – União Brasileira de Escritores,

autora dos livros MOSAICO, A MULHER QUE RI e PCC,

graduada em Letras pela UCDB,

pós-graduada em Literatura,

contista da Revista Cultura do Mundo,

blog: simonepossasfontana.wordpress.com)

Eu e o PCC 2

 

 

MUDANÇA NA ESTRATÉGIA

Postado em

mudança

              Amigos e Familiares,

              Completamos a terceira semana da Campanha para ajudar a MANICURE VALÉRIA!

              Chegamos a 47% do total, ou seja, foi arrecadado até agora R$ 380,00 dos R$ 800,00!

              Obrigada a todos que contribuíram até agora! Vocês são demais!

              Infelizmente ainda não atingimos 50% da meta, mas chegaremos lá com a ajuda de todos vocês.

              Para a campanha dar certo preciso apenas que 44 amigos depositem R$ 10,00!

44

OU

que 30 amigos depositem R$ 15,00!

30

OU

que 22 amigos depositem R$ 20,00!

22

OU

que 18 amigos depositem R$ 25,00!

18

OU

que apenas 15 amigos depositem R$ 30,00

15

             

              Parece tão fácil conseguir essas pessoas, não?!?! Parece, mas não é!

              Fácil é contribuir. Basta clicar no link https://t.co/DieXXXf8WS e preencher o valor da doação!

              Faça sua boa ação de hoje! Fique com sua consciência tranquila de que você contribuiu com um ser humano que está precisando de ajuda!

              Obrigada! Conto com a ajuda de vocês!

mulher agradecendo

Simone Possas Fontana

22/10/2016

CAFÉ, CUCA E AMIZADE!

Postado em

café
Ah! Quanta alegria senti ontem!
 
Recebemos a visita das minhas amigas Débora Ventura e Roseli Sirlei Kalschne Schneider para um cafezinho com cuca e um excelente bate-papo.
 
Débora com sua elegância e educação.
 
Rosely com sua alegria e simpatia.
 
Ambas esbanjando um contagiante otimismo! Explodindo contentamento!
 
E acho que explodiu mesmo porque ficamos banhados de tanta felicidade!
 
Obrigada pela visita meninas! Apareçam sempre!
amigo
 
(Próximo encontro já está marcado: pizza com vinho no ap. da Débora! Ebaaaaaaaaaa! Nessa vez não vamos esquecer de fazer umas fotos!)
 
Ah Débora Ventura, obrigada pelo presente. Adorei!!!
Beijos,
Simone Possas Fontana
eu-e-o-livro.jpg

TIO JAMIL DERZI

Postado em Atualizado em

amigos

            É muito bom se sentir seguro com uma pessoa e esse conforto é conseguido através da amizade. O Geraldo usufruiu desse conforto ao ter como seu melhor amigo o Senhor Jamil – tio Jamil como ele o chamava.

            Tio Jamil era uma pessoa digna e admirado pelo Geraldo. Nessa amizade verdadeira era permitido falar sobre os defeitos e qualidades do amigo. Essas conversas ocorriam na sala da casa em Ponta Porã-MS, diariamente, regadas por chimarrão, seguido pelo café da manhã com as gostosas guloseimas feitas pelas mãos da prendada Dona Helena.

            Tio Jamil partiu há mais de dez anos. A saudade aumentou, mas a lembrança do amigo continua guardada na memória.

            Há poucos dias Geraldo reencontrou a viúva Dona Helena, seu filho Miguel, sua nora Ângela e sua irmã Dona Leonor. Em um alegre bate-papo, relembrou as agradáveis conversas com tio Jamil nas manhãs frias de Ponta Porã, das viagens, enfim, da amizade sincera. Sentiu-se em casa novamente!

            Obrigada Dona Helena e Família por nos propiciar esses momentos tão prazerosos e importantes para reavivar, preservar e perpetuar a amizade!

mulher agradecendo

Simone e Geraldo

02/09/2016

LOBA VORAZ

Postado em Atualizado em

loba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deslizo minhas mãos sobre ele.

Faço um carinho suave.

Viro-o.

Acaricio suas costas.

Desviro-o.

Passo minhas mãos novamente.

Várias vezes.

Com mais força.

Encosto meu rosto nele.

Cheiro. Hum… Que cheiro bom!

Abraço-o com força.

Aflita, devoro a orelha esquerda.

Em seguida, a direta.

Posiciono-me.

Ele se encaixa em mim

E eu nele.

Agora somos um só.

Quero atingir o ápice.

Como uma loba faminta e voraz.

Quero consumi-lo todo com avidez.

Ansiosa e pronta para iniciar…

…A LEITURA DE UM NOVO LIVRO!

 

(Pensou que estava falando sobre o quê?)

mulher-e-livro

 

 

Simone Possas Fontana

(escritora gaúcha de Rio Grande-RS,

membro da Academia de Letras do Brasil/MS, ocupando a cadeira 18,

membro correspondente da Academia Riograndina de Letras,

membro da UBE/MS – União Brasileira de Escritores,

autora dos livros MOSAICO, A MULHER QUE RI e PCC,

graduada em Letras pela UCDB,

contista da Revista Cultura do Mundo,

blog: simonepossasfontana.wordpress.com)

Eu e o PCC